Close

22/05/2015

Enfim no ar!

Em Agosto de 2011 iniciamos a escrita de um documento que tinha como objetivo descrever a função e o trabalho executado por um front-end developer, inspirados principalmente nos Front-end Code Standards & Best Practices da Isobar que, curiosamente, tinha Paul Irish em sua equipe na época. Ao longo do trabalho de escrita, percebemos que também poderíamos instruir melhor os designers de interface, com maiores esclarecimentos sobre os processos e cuidados que devem ser tomados na concepção e entrega de projetos para web.

Alguns meses depois, mais precisamente em Dezembro de 2011, resolvemos que deveríamos compartilhar estes documentos com a comunidade e daí surgiu a idéia do Front-End Development, um site que possuiria as características dos guias escritos por outras equipes, porém indo mais profundamente contendo artigos com reflexões, dicas e referências para facilitar o trabalho dos FEDers. Porém como se trata de um projeto que requer muita atenção e foi idealizado no nosso tempo livre, acabamos deixando sua implementação de lado e deixamos até agora – praticamente 4 anos depois – para realmente colocarmos o site no ar.

Finalmente chegou a hora de publicá-lo, reunindo os conceitos de uma equipe que trabalhou praticamente 5 anos juntos e tem muito o que contribuir com a comunidade front-end do Brasil. Vocês verão que o código do site não é o melhor exemplo de limpeza, até porque aproveitamos a oportunidade para utilizar e estudar o tema Layers para WordPress, que promete facilitar a montagem dos sites e pode se tornar muito pertinente em nosso fluxo de trabalho.

Enfim, gostaria de agradecer ao Lincoln AlvesGustavo Krause, front-end developers da melhor qualidade que também vão escrever aqui e que fazem parte do Blog Web Standards. Menção honrosa para os outros dois grandes desenvolvedores que nos auxiliaram na escrita dos documentos: Fernando Krasnievicz Raphael Barbosa.